Ministério da Cultura Brasil
quinta-feira, 20 de janeiro de 2011 RSS Cultura em Movimento Fale com o Ministério
« Voltar Imprimir

Novos rumos

Representantes do MinC reúnem-se com gestores culturais de São Paulo

Gestores culturais das mais diversas e importantes instituições culturais paulistas estão reunidos com representantes do Ministério da Cultura, nesta quinta-feira, 19 de agosto, no auditório do Museu de Arte de São Paulo (MASP), para trocar opiniões, debater ações e discutir os novos rumos da gestão cultural brasileira. O encontro, que começou logo pela manhã, se estenderá ao longo do dia.

O curador e coordenador geral do MASP, Teixeira Coelho, abriu a conversa e trouxe diversas provocações. Segundo ele, a Cultura pode ser vista como um aplicativo, no mesmo sentido com que a palavra é usada na tecnologia. “Ela vai além da criação e pode ser um aplicativo para a Educação e a Saúde, por exemplo. A transversalidade da Cultura é uma questão do século 21″, disse. O coordenador do MASP questionou, inclusive, se apenas o MinC deveria ter o papel de financiador da Cultura. “Por que o Ministério do Trabalho, das Cidades ou da Saúde também não pagam por ela?”

Em seguida, o secretário executivo do MinC, Alfredo Manevy, destacou a Cultura em sua dimensão política e social, enfatizando a ansiedade da sociedade por um maior consumo cultural, especialmente por aquela camada que obteve ascensão econômica. “As pessoas não sentem a consolidação dessa conquista enquanto não têm acesso à Cultura, mesmo que seja por meio do entretenimento”.

Para Manevy, a política adotada pelo MinC chegou a um limite a partir do qual é necessário um planejamento estratégico para que suas ações sejam efetivamente aproveitadas pela população. “Para isso, precisamos definir qual será o papel de cada um de nós dentro deste contexto”, disse aos gestores presentes.

O encontro ainda contou com a presença e a experiência de participantes internacionais, como Antonio Rodriguez, que trabalha nos Estados Unidos, e é especialista em alianças estratégicas e no mercado da América Latina, e o professor da Universidade de Sorbonne, Xavier Greffe.
A seguir, confira a lista dos nomes presentes à reunião:

Alfredo Manevy (Secretário Executivo/MinC)
José Luiz Herencia (Secretário da Secretaria de Políticas Culturais do MinC)
Afonso Luz (Diretor da Secretaria de Políticas Culturais do MinC)
José Roberto Sadek (Secretário Municipal Adjunto de Cultura de São Paulo)
Dora Mourão (Presidente da Sociedade Amigos da Cinemateca)
Andrea Lopes (Diretora da Sociedade Amigos da Cinemateca)
Roberto Teixeira da Costa (Membro do Conselho da Sociedade Amigos da Cinemateca)
Luiz Carlos Bresser Pereira (Professor da FGV/SP e Membro do Conselho da Sociedade Amigos da Cinemateca)
Carlos Magalhães (Presidente da Cinemateca Brasileira)
Marcelo Araújo (Diretor da Pinacoteca do Estado de São Paulo)
Teixeira Coelho (Curador e Coordenador-geral do MASP)
Ana Tomé (Diretora do Centro de Cultura da Espanha em São Paulo)
Xavier Greffe (Professor da Universidade de Sorbonne)
Antonio Rodriguez (Especialista em Alianças Estratégicas)
Mario Cohen (Presidente da Fundação Auditório Ibirapuera)
Giorgio Della Seta (Presidente do Conselho da Fundação Auditório Ibirapuera)
Pedro Puntoni (Diretor da Brasiliana USP)
Luiz Henrique Proença Soares (Diretor da Organização Via Pública)
Wagner Romão (Gerente de Projetos da Organização Via Pública)
Anna Helena Altenfelder (Diretora de Projetos do Cenpec)
Eduardo Mendes (Gerente de Patrimônio Histórico e Acervos do BNDES)
Bertrando Molinari (Diretor do MAM-SP)
Rodrigo Savazoni (Diretor da Casa da Cultura Digital)
José Paulo Soares Martins (Diretor do GIFE)
Arnaldo Spindel (Diretor da Fundação Nemirovsky)
Nelson Simões (Presidente da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa)
Eduardo Saron (Superintendente do Instituto Itaú Cultural)

(Carolina Monteiro, Comunicação Social/MinC)

Compartilhe:
  • Digg
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • MySpace
  • TwitThis
  • email
  • LinkedIn

Participação do Leitor

max. 1000 caracteres